Cotidiano

Santa Casa capta primeiro coração do ano

07/02/2019

Na tarde desta quarta-feira (6), a OPO (Organização de Procura de Órgãos) da Santa Casa de Campo Grande captou o primeiro coração do ano de 2019. Além deste órgão, o homem de 36 anos, vítima TCE (Traumatismo Crânio Encefálico) após sofrer acidente de moto, doou os rins, fígado e córneas. Esta é a quinta captação de órgãos do ano.

 

O coração, fígado e um dos rins do paciente foram encaminhados para São Paulo. O outro rim permaneceu na Santa Casa para ser transplantando e as córneas do jovem foram encaminhadas para o Banco de Olhos do hospital para análise, avaliação e depois, se aprovadas, serão disponibilizadas para transplantes. O responsável pelo acompanhamento de todo o processo foi enfermeiro responsável da OPO, Rodrigo Gomes.  

 

OPO

 

A equipe da OPO do hospital são os responsáveis pelo acolhimento dos familiares e, posteriormente, fazem a abordagem sobre a possibilidade da doação. Sendo de interesse dos familiares, o próximo passo é a busca de possíveis receptores feita pela CET (Central Estadual de Transplante), não existindo condições de transplante no Estado, a busca é realizada no Sistema Nacional de Transplantes.

 

Localizados os receptores compatíveis, inicia-se uma operação de precisão, que necessita cumprir horários rigorosamente para que sejam respeitados os prazos máximos necessários para que cada órgão seja transplantado com a menor margem de erro possível.