Cotidiano

Fisioterapeutas da Santa Casa participam de congresso em Manaus

05/11/2018

Quatro fisioterapeutas da Santa Casa de Campo Grande participaram do congresso XIX SIFR - Simpósio Internacional de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia Intensiva em Manaus. Foram seis trabalhos apresentados, sendo cinco em forma de banner e uma apresentação oral que recebeu o prêmio de segundo lugar na categoria “Prêmio Jovem Pesquisador”.

 

As fisioterapeutas, Darine Garcez, fisioterapeuta intensivista atuante no CTI geral e Poliany Gudóski, fisioterapeuta intensivista atuante nos CTI's 4 e 5 foram as profissionais que levaram o segundo lugar no congresso, apresentando o tema “Ultrassonografia Muscular de Pacientes Críticos: Análise de Concordância entre Fisioterapeutas Intensivistas”. O objetivo do trabalho foi avaliar a concordância da realização de ultrassonografia muscular em pacientes críticos, realizada por diferentes fisioterapeutas intensivistas.  

 

Rayssa Lima, fisioterapeuta intensivista atuante no CTI 7, apresentou quatro banners no congresso com os temas:  “Síndrome da Fragilidade em Indivíduos com HIV/AIDS” com o objetivo de avaliar a prevalência da SF e analisar a sua relação com a função pulmonar, força muscular inspiratória e capacidade funcional. “Força Muscular Periférica e Capacidade Funcional de Indivíduos com HIV/AIDS” com o objetivo de avaliar a capacidade funcional com HIV/AIDS através do teste AVD-Glittre, bem como verificar a sua aplicabilidade nessa população. “Prevalência e Influência de Fragilidade na Funcionalidade e qualidade de Vida do Paciente Renal Crônico” com o objetivo de avaliar a prevalência e a influência da Síndrome da Fragilidade (SF) na Capacidade Funcional (CF) e Qualidade de Vida em doentes renais crônicos em acompanhamento dialítico e sobre o “Conhecimento da equipe multiprofissional de saúde sobre a Ventilação Mecânica Não Invasiva em um hospital universitário” com o objetivo de avaliar e comparar o conhecimento sobre VMNI em profissionais da área da saúde.

 

A fisioterapeuta intensivista atuante no CTI 5, Taynara Magalhães, apresentou mais um banner no evento, com o tema “Conhecimento da equipe multiprofissional de saúde sobre a Ventilação Mecânica Não Invasiva em um hospital universitário” que teve como objetivo avaliar e comparar o conhecimento sobre VMNI em profissionais da área da saúde.

 

O chefe do serviço de fisioterapia – setores abertos, Marlon Oliveira, aprovou a participação dos profissionais do congresso. “É uma grande troca de experiências e aprendizado. É muito importante se manter atualizado, saber o que os grandes laboratórios e centros mundiais de saúde estão estudando e executando. Um profissional atualizado, é paciente bem tratado”, disse.

Galeria de fotos