Cotidiano

Encerrada 1ª turma do curso básico de Engenharia e Manutenção Hospitalar

12/03/2018

Encerrou no último sábado (10), o curso básico de Engenharia e Manutenção Hospitalar oferecido pela gerência de Infraestrutura em parceria com a Gerência de Ensino, Pesquisa e Educação Continuada (GEPEC) da Santa Casa de Campo Grande. A capacitação foi ministrada pelo engenheiro civil e de segurança do trabalho do estado de São Paulo, Fumio Araki.

 

O curso teve como objetivo contribuir na capacitação e treinamento de engenheiros, arquitetos e tecnólogos para atuar nas instituições hospitalares. Divulgar os conhecimentos básicos sobre: legislações pertinentes e responsabilidades, arquitetura hospitalar, instalações de infraestrutura predial hospitalar, normas hospitalares, gestão de contratos, terceirização, equipamentos hospitalares, participação da engenharia e manutenção no controle de infecção hospitalar, e nos processos de qualidade - cases.

 

Ao todo tiveram 41 inscritos no curso entre engenheiros, arquitetos, tecnólogos que atuam no segmento de saúde, profissionais atuantes na área de manutenção em hospitais, além de estudantes de Engenharia e Arquitetura.

 

Dentre os conteúdos programáticos estavam: visão de mercado do gestor de manutenção hospitalar; manutenção corretiva, manutenção preventiva, manutenção preditiva; normas técnicas do Ministério da Saúde - RDC 50 e outros; manutenção no Controle de Infecção Hospitalar; noções de Arquitetura Hospitalar, projetos, reformas e ampliações hospitalares; cronograma físico e financeiro; instalações elétricas, hidráulicas, e gases medicinais; ar condicionado central - salas limpas - contagem de partículas e teste microbiológico do ar; Vigilância Sanitária - aprovação de projetos e fiscalizações/autuações; dimensionamento de equipe de manutenção e controles de produtividade; custos de manutenção predial; almoxarifado de manutenção; controles de consumo de utilidades (energia elétrica, água, gases medicinais) através de indicadores; gestão de contratos terceirizados de manutenção e de obras; cálculo de custos de manutenção dos diversos ambientes e procedimentos hospitalares; plano diretor; estudo de viabilidade econômico e financeiro de investimentos de reformas e ampliações; trabalho prático / dinâmica em grupo / avaliação final.

 

A capacitação foi realizada na sexta-feira (9) e no sábado (10), das 8h às 17. Ao final todos os alunos receberam um certificado de conclusão de curso de 16 horas/aula.  

Galeria de fotos